CoolGadgets

Bem-vindo ao mundo dos gadgets!
Início » 2013 » Maio » 14 » Igrejas poderão ser visitadas pela internet
3:16 PM
Igrejas poderão ser visitadas pela internet


São Paulo - O Google está fotografando o interior das igrejas católicas paulistanas com a mesma tecnologia do Street View. Já foram feitas imagens da Catedral da Sé e da Igreja da Consolação - elas ainda não estão no ar, mas o jornal O Estado de S.Paulo apurou que há intenção de registrar quase 15 templos, todos com importância cultural, artística e histórica.

Entusiasta de novas tecnologias - ele atualiza frequentemente sua conta no Twitter, @DomOdiloScherer, por exemplo -, o cardeal arcebispo de São Paulo, d. Odilo Scherer, demonstra otimismo com fato de as igrejas paulistanas, em breve, poderem ser "visitadas” virtualmente.

"Meu apoio a esse trabalho foi imediato, porque me parece algo interessante para que as pessoas possam conhecer melhor também o patrimônio religioso que temos na cidade”, diz o cardeal, que autorizou que as fotografias fossem realizadas na Sé e na Consolação como "iniciativa piloto”. Em sua opinião, "nada impede que a autorização se estenda às demais igrejas” sob sua jurisdição.

Ferramenta

"Temos muitas igrejas bonitas e de valor artístico na cidade. E a Igreja tem grande apreço às novas mídias e vê a necessidade de estar presente nelas”, diz d. Odilo. "Quando essa ferramenta estiver no ar, pessoas do mundo inteiro vão poder conhecer as igrejas paulistanas. A visitação eletrônica também vai se tornar um hábito e quem não conhece São Paulo poderá se encantar com a beleza de nossas igrejas.”

O Google se recusou a dar mais informações sobre o projeto das igrejas paulistanas. Por meio de nota enviada por sua assessoria de imprensa, limitou-se a afirmar que está "sempre trabalhando em vários projetos”, mas, no momento, não há "nenhum anúncio para fazer.”

Em 2011, o Google lançou o Art Project, um site que permite que o usuário visite virtualmente museus de todo o mundo. No lançamento, havia 17 instituições catalogadas - de 11 cidades diferentes. Entre elas, a National e a Tate Galleries, de Londres, o Museum of Modern Art, de Nova York, e o Museo Reina Sofia, de Madri.

Hoje, há dezenas de outros acervos disponíveis. Além de permitir que o internauta passeie pelos museus, o Google oferece algumas obras de arte em "super resolução”, propiciando que sejam vistos detalhes difíceis de ser percebidos até a olho nu. Ainda não se sabe se esse recurso também estará disponível no projeto das igrejas paulistanas. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Fonte: http://www.info.abril.com.br

Visualizações: 200 | Adicionado por : CGadgets | Ranking: 0.0/0
Total de comentários: 0
avatar